Somos Portugal!

E eu sou televisão! Sim, desde sempre. Eu é que não dizia nada a ninguém. Quando questionado, respondia querer ser informático (não sei porquê, talvez por muitos me pedirem ajuda quando necessitados nestas novas tecnologias). Mais recentemente, e um pouco por vergonha, dizia querer ser jornalista. Esta seria a resposta politicamente correta. Mas, agora que já não tenho vergonha na cara, e deixando a seriedade do jornalismo, posso dizer com todas as letras: EU QUERO SER APRESENTADOR DE TELEVISÃO. Quero ajudar pessoas, ter boas conversas, mudar vidas, falar de coisas sérias a brincar. No fundo, são tudo histórias. E eu estou a construir a minha. Eu tento. E foi o que fiz hoje. Bebi toda a informação que consegui do programa mais polémico da televisão portuguesa. Gostos musicais à parte, o programa da TVI leva a todos tradição e cultura. Com uma grande produção e líder de audiências, tem sido aquilo que de mais próximo tive com a feitura de um programa.